Qual o tamanho ideal de uma dissertação de mestrado?

Há alguns meses, participei de uma defesa de dissertação de mestrado que tinha mais de 160 páginas. Ao receber o arquivo, esse volume de texto me causou surpresa. Imaginei que algo poderia estar errado. Mas então, existe um tamanho ideal para uma dissertação de mestrado? Esse possível tamanho ideal é o mesmo para as diversas áreas do conhecimento? Vamos tentar esclarecer estas dúvidas e fornecer algumas diretrizes para escrita deste tipo de texto acadêmico.

Em primeiro lugar, tamanho não indica qualidade. Mas é fato que, ao iniciar a escrita de uma dissertação de mestrado (se aplica para qualquer texto acadêmico, na verdade), é preciso ter em mente o número de páginas esperado.

Eu sempre inicio a redação com meus alunos em uma reunião em que definimos os principais tópicos a serem abordados. Fazer o índice da dissertação previamente a qualquer redação sempre ajuda, no meu ponto de vista. Nos guiamos pelos capítulos necessários (cada Programa de Pós-Graduação pode ter uma regulamentação específica sobre isso) mas uma sugestão, bem padrão para programas de Ciência da Computação, poderia ser a seguinte:

  • Introdução
  • Objetivos
  • Referencial teórico
  • Materiais e métodos
  • Resultados e discussões
  • Conclusões

O que sugiro é definir as seções e subseções de cada um desses capítulos e depois definir uma ordem de escrita razoável para o trabalho e o aluno. Muitas vezes, sugiro começar pelos resultados e discussões. Costuma ser uma boa escolha pois, de posse dos principais resultados e contribuições do trabalho bem claros, podemos definir o que deve entrar no referencial teórico, como a história deve ser contada na introdução e assim por diante.

Costumo definir um número de páginas aproximado para cada um desses capítulos e, em alguns casos, seções. Não é adequado ter uma introdução muito longa, digamos 50 páginas, e depois apresentar brevemente os resultados em, por exemplo, 8 páginas. Há um claro desbalanceamento. A introdução parece prolixa demais e os resultados podem estar sub-valorizados ou mesmo ser insuficientes para uma defesa.

Mas voltando a pergunta inicial, quantas páginas se espera de uma dissertação de mestrado, particularmente em Bioinformática?

Existem estudos anteriores [1] que fizeram uma análise da distribuição e dos valores médios dos números de páginas de dissertações de mestrado e de teses de doutorado. A Universidade de Minnesota mantém um repositório digital de suas dissertações e apresento, na Figura 1, a distribuição de números de páginas de dissertações de mestrado nas várias áreas do conhecimento.

Figura 1 – Número de páginas de dissertações de mestrado, ordenadas e coloridas pela mediana da área. As barras representam a mediana (traço vertical), o 25o. percentil e o 75o. percentil. As linhas horizontais representam 1.5 vezes a distância interquartil e os pontos são as anomalias. Os números entre parênteses indicam o número de dissertações defendidas no período avaliado. Fonte: [1] http://fawda123.github.io/diss_proc/thes_plo.pdf

O comprimento de cada barra compreende 50% das dissertações daquela área. A barra inicia em 25% e finaliza em 75% indicando. A linha horizontal ilustra 1.5 vezes a distância entre os quartis (25% e 75%) sendo os pontos, as dissertações com tamanhos anômalos. O pequeno traço vertical é a mediana de cada área.

Então, por exemplo, a mediana de páginas das 38 dissertações de Ciência da Computação analisadas tem em pouco mais de 50 páginas. Ou seja, cerca de 50% das dissertações tem menos de, digamos, 55 páginas e 50% tem mais. Note que 75% das dissertações tem menos de cerca de 75-80 páginas. Há pouquíssimas exceções acima de 125 páginas. Engenharia elétrica tem uma mediana bem próxima à de Computação, mas a variablidade dos tamanhos é bem menor.

Veja que a mediana de Biologia Computacional é ainda mais baixa, abaixo de 50. 75% das dissertações da área tem menos de 50 páginas. Isto considerando textos em inglês que costumam ser um pouco menores que os em português.

Veja que existem variações importantes entre áreas. A área de Química medicial tem dissertações com tamanho mediano acima de 100 páginas.

Então, eu diria que uma boa dissertação na área de Bioinformática pode ter entre 60 e 80 páginas. Sugiro que se tiver muito material a ser apresentado, selecione o que tem de melhor para o texto principal, deixando o restante nos anexos (ou em artigos publicados e referenciados).

Mais uma vez, o número de páginas não é o melhor indicativo da qualidade de um texto mas um texto muito menor ou muito maior que o que é prática na área é um possível indicativo de problemas com o trabalho ou com a forma de apresentá-lo.

Conseguiu identificar sua área no gráfico? O que achou? Deixe os seus comentários e dúvidas para nós.

Até a próxima,

Raquel

Referências

[1] https://beckmw.wordpress.com/2013/04/15/how-long-is-the-average-dissertation/

Publicado por OnlineBioinfo Bioinformática

Meu nome é Raquel Minardi, sou bacharel em Ciência da Computação e doutora em Bioinformática. Sou professora do Departamento de Ciência da Computação da UFMG desde 2010, membro afiliado da Academia Brasileira de Ciências (ABC), vice-coordenadora do Programa de Pós-graduação em Bioinformática da UFMG, coordenadora da rede BaBEL de Bioinformática aplicada a Biotecnologia, vice-coordenadora do comitê especial de Biologia Computacional da Sociedade Brasileira de Computação (SBC) e secretaria da diretoria regional centro-sudeste da Associação Brasileira de Bioinformática e Biologia Computacional (AB3C). Sou fascinada pela área de Bioinformática e pela possibilidade de desenvolver modelos e algoritmos para suporte a resolução de problemas tão desafiadores quanto os que envolvem a biologia e biotecnologia. Também amo ensinar e desenvolver conteúdos para ensino a distância.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: